“Não se atemorizem diante da nova vida que se apresenta, pois sendo [filhos] e filhas de Maria a Virgem, Ela os cobrirá com seu manto.” (Santa Luísa de Marillac)

Tenho certeza de que quando você leu a recomendação acima, da santa fundadora das Filhas da Caridade, você logo se lembrou da situação atual. Por isso, viemos recordar a você algo muito importante que deve de agora em diante estar em sua perspectiva.

Sempre se repete mas esquecemos

Frequentemente ao tomarmos conhecimento da história da Igreja constatamos que, apesar de em muitas situações os fieis parecerem perder a Fé ou estarem em becos sem saída, Deus sempre desponta com suas divinas respostas para cada crise.

Afinal, depois de conhecermos as tantas vezes que Deus solucionou as mais melindrosas situações, ficamos cheios de entusiasmo e convicção até… Até nos vermos no meio das situações difíceis também.

Aí então tudo se apaga, e às vezes mais rápido que uma piscada de olhos…

Recordamos nossas faltas, nossas pusilanimidades, enfim nossa pequenez espiritual. E o desânimo ou indiferença rapidamente assumem nossas mentes.

Entretanto – E ISSO É MUITO IMPORTANTE – mesmo tendo ‘motivos’ contundentes para desanimar nas sendas da piedade, devemos sempre ter presente o estímulo lembrado por Santa Luísa de Marillac. Pois quem está sob a égide do manto de Maria, fica sem dúvida alguma amparado pelos céus!

Recobrar a fé e ir para frente Arautos

Independente do estado de vida, colocando-se debaixo do manto de Maria tudo se resolve (Pintura de Nossa Senhora das Mercês)

A história nos ensina a recobrar a fé e ir para frente

São inúmeros os fatos que comprovam que Nossa Senhora pode nos ajudar em tudo que precisamos, sobretudo nessa época de dificuldades sociais e econômicas em que vivemos.

De acordo com os fatos históricos vemos não somente o auxílio de Maria se tornar eficaz, mas  se tornar fator de mudanças e transformações sociais incríveis. Recordemos apenas alguns exemplos como os pastorinhos de Fátima, o índio de Guadalupe e a humilde e simples Bernadete.

Em síntese, basta não empanar na alma a convicção que todo verdadeiro católico tem, de que Deus e Maria nunca abandonam a ninguém, que conseguiremos sair dessa fase atual revigorados e melhores.

Logo devemos recobrar a fé e ir para frente! Deus espera de nós atos grandiosos e heróicos. Vamos juntos trabalhar para a reconquista dos corações.

E a propósito, você já conhece a Plataforma Reconquista? Caso não, clique aqui para conhecer.